27 de Março de 2022
Imprensa RNZ (1276 articles)
Share

Segunda edição do projeto ‘Mestres do Improviso’ encanta Arapiraca

A noite de ontem, 25, mais uma edição do projeto Mestres do Improviso. Capilaridade pelo poeta Iponax Vila Nova e idealizado por empresários e amantes da música repentista do Brasil, a segunda edição coloca a cidade de Arapiraca no calendário cultural das cantorias nordestinas. O projeto iniciou em janeiro e a cada dois meses vai trazer uma dupla formada por grandes nomes do Nordeste na Leo´s Churascaria.

Os Mestres do Improviso contaram em seus versos os diversos assuntos relacionados a vivencia humana, foram abordados temas como política atual, a Roma antiga, o Grécia, as belezas do sertão e a filosofia. Cantaram sobre o tempo e o poder que ele tem sobre os vivos. Cantaram a vaidade do homem e também a sua simplicidade, suas vitórias terrenas e seus anseios celestiais. A rica noite mostrou o brilho do Nordeste em forma de poesia e repente.

O projeto tem apoio do Supermercado do São Luís, da empresa Itamar Autopeças e Srviços, do escritor e cronista Geraldo Magela Pirauá, do empresário Antônio Macapá, do deputado Ricardo Nezinho, da Prefeitura Municipal de Arapiraca e a colaboração dos apaixonados pela poesia nordestina, cantiga de viola e sus inúmeros gêneros musicais.

Segunso pesquisas, a nossa poesia popular floresceu em Provença, sul da França, no Século XI, através dos trovadores Regreis e Jograis. Na Espanha a poesia floresceu através dos palacianos. Eram os trovadores da Provença, que levaram a alegria aos senhores feudais, enclausurados nos seus castelos de guerra. Enfim, foi Dom Diniz, maior monarca da Dinastia de Borgonha, que se proclamou discípulo dos provinciais. A fusão da poesia local portuguesa com a poesia dos Trovadores Jograis de Provença fez surgir novas formas poéticas de linguagem.

A poesia, atravessando a fase colonial, veio alcançar seu apogeu na pequena Paraíba de Augusto dos Anjos e de José Américo, pois quiseram as divindades do Olimpo que, naquele torrão, bendito pelas sacrossantas musas di longínquo Parnaso, nasceram os maiores cantadores que tem notícia na história do folclore nacional.

 

FONTE:  www.minutonordeste.com.br


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /var/www/html/ricardonezinho.com.br/web/wp-content/themes/solidus-theme/includes/single/post-tags-categories.php on line 7
Imprensa RNZ

Imprensa RNZ