22 de dezembro de 2019
Imprensa RNZ (1155 articles)
Share

Ricardo Nezinho parabeniza sindicato pelos 50 anos em defesa dos agricultores

Com uma festa realizada no Clube dos Sargentos, na tarde deste domingo (22), o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares de Arapiraca comemorou seus 50 anos de fundação.

O evento reuniu dezenas de famílias de trabalhadores, associados e presidentes de sindicatos da região. O deputado estadual Ricardo Nezinho (MDB) prestigiou o encontro e recebeu um pedido dos líderes sindicais.

Givaldo Teles e Genivaldo Oliveira, respectivamente presidente e diretor da Federação dos Trabalhadores da Agricultura (Fetag-AL), pediram para que o parlamentar arapiraquense interceda junto ao Governo do Estado de Alagoas para que as sementes voltem a ser distribuídas aos produtores no próximo ano, dentro do período previsto para o plantio.

Em resposta, Nezinho afirmou que está disposto a colaborar com os trabalhadores, defendendo os seus pleitos junto ao governador Renan Filho. Ricardo Nezinho também elogiou a postura do sindicato, lembrando que Arapiraca tem 95 anos e a instituição está há 50 anos participando da história do município e da luta em defesa dos pequenos e médios produtores rurais.

Na ocasião, O parlamentar foi homenageado juntamente com Genivaldo Oliveira, Rilda Alves e o atual presidente Geraldo Balbino.

Em sua fala, Geraldo Balbino agradeceu ao apoio dos associados e agricultores familiares, além da FETAG, Contag e demais sindicatos que compõem o polo do agreste. A presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-AL), Rilda Alves, ressaltou a luta da mulher do campo e lembrou antigos diretores que ajudaram na construção do Sindicato, a exemplo de João Santos (que também foi vereador em Arapiraca).

Enquanto Maria José Alves, representante da União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária, enfatizou a parceria do setor com o Sindicato.
A festa foi concluída com o sorteio de prêmios e muita música com Felipão do Forró, artista natural de Lagoa da Canoa, que apresentou um repertório bastante variado.

A história

Criado na década de 1960, teve como primeiro presidente José Manoel da Silva, sucedido por José Pedro dos Santos. Em 1974 ocorreu um fato histórico, com Maria Pereira de Carvalho sendo eleita a primeira presidente de uma entidade sindical no Estado de Alagoas.

Após cumprir vários mandatos, Maria Pereira foi substituída por Genivaldo Oliveira da Silva. Também exerceram mandatos de presidente João dos Santos e Geraldo Balbino da Silva, que está atualmente cumprindo seu mandato.

 

FONTE:  www.diarioarapiraca.com.br/

Imprensa RNZ

Imprensa RNZ