5 de maio de 2016 Compartilhe

Promotora de Justiça de AL se posiciona a favor do projeto Escola Livre

A Promotora de Justiça de Alagoas, Cecília Carnaúba, com enorme histórico de engajamento na educação do Estado, se posicionou a favor do projeto Escola Livre.

Cecília disse que o projeto não contém nenhuma espécie de censura, apenas afasta a possibilidade dos professores de impor suas opiniões pessoais sobre os alunos. “Projeto Escola Livre não impede o trato de temas políticos e ideológicos no espaço escolar, apenas reforça que a abordagem de todos esses temas ocorra em consonância com o parecer CNE/CP n” 01 de 30/05/12, pois exige que o ambiente de desenvolvimento do referido conteúdo se materialize através de processos metodológicos participativos”, disse a promotora.

Com enorme embasamento político jurídico, a promotora finalizou sua argumentação citando o Pacto de São José da Costa Rica, aderido pelo Brasil, que afirma o direito dos pais educarem seus filhos de acordo com suas crenças e ideologias.

FONTE: www.diarioarapiraca.com.br/